6 de fevereiro de 2012

Me pregue um evangelho light

Pois a nossa exortação não procede de engano, nem de impureza, nem se baseia em dolo; pelo contrário, visto que fomos aprovados por Deus, a ponto de nos confiar ele o evangelho, assim falamos, não para que agrademos a homens, e sim a Deus, que prova o nosso coração. A verdade é que nunca usamos de linguagem de bajulação, como sabeis, nem de intuitos gananciosos. Deus disto é testemunha. Também jamais andamos buscando glória de homens, nem de vós, nem de outros. 1 Tessalonicenses 2.3-6

Tudo isso que Paulo comentou, se passou na evangelização de Tessalônica, mas se trouxemos ao tempo presente, talvez possamos fazer a aplicação de alguns versículos acerca do contexto atual da maneira errada de pregar a palavra de Deus, do quão distantes, os que se dizem servos do Senhor, estão da verdade do Senhor.  O que a igreja parece ser atualmente é um clube de diversões, onde não se diferencia a bagunça das coisas serias. Hoje a pregação deve ser light, para que não venha a machucar o ego dos amados irmãos, porque do contrário, o pastor da igreja esteja pronto: Poderá ver sua "ovelha" se afastando da igreja, poderá ver "ovelhas" arrebanhadas pela "ovelha", se distanciando também ou triste será: por pregar a verdade e viver de acordo com a Bíblia e muitos dentro da igreja não desejarem, prepare-se pastor, pois o senhor poderá ser expulso da igreja.

Ninguém deseja aceitar repreensão quando faz coisa errada. Muitos pensam que aquilo que o mundo faz, precisa ser copiado e adentrado a igreja e ainda dizem: Com o que temos, pregaremos a palavra de Deus! (Ou risos ou choro) No versículo 4 deste mesmo texto acima citado como texto base, o apóstolo Paulo diz que falou acerca do evangelho, não para que agrasse a homens, mas a Deus, que prova os corações. O que a igreja deseja atualmente é sentir-se confortável, brincar, se utilizar de artefatos, mas na hora da exortação, do cajado, isso ela não deseja. Homens que se dizem "pastores", não vivem coerentemente a verdade bíblica e só pregam benção, milagre, o surgimento riquezas, de mansões, de todos os bens materiais, mas nada que mostre aos irmãos a realidade entre céu e inferno. Não abrem a boca para dizer: Arrependei-vos enquanto é tempo! Não vivam no pecado para que não sejam castigados com o mundo! Sejam o sal da terra! Se desprendam de toda a forma de mal! Sejam luz em meio as trevas!

Essa coisinha de tudo gospel é uma tristeza. As pessoas se utilizam do termo, que significa evangelho, para ir ali fora, no mundinho, para tirar uma xerox, revelar e trazer para dentro da igreja, expor para o pastor e para os irmãos e dizer: Vamos nessa que é pra Jesus! E esperam que Cristo esteja aplaudindo lá de cima (risos). Quando você passa por perto de um local que tem restos de comida, animais mortos, certamente você sente um cheiro insuportável. Imagine o pecado como algo podre, o que ele realmente é (obras da carne - Gálatas capítulo 5.19-21). Contemple um Deus santo, puro, que ama o que é reto (frutos do Espírito - Gálatas capítulo 5.22, 23 ). Pois é, tudo isso fede nas narinas do Senhor!

Por fim, uma igreja firmada na palavra do Senhor, bem como um pastor que realmente vive do evangelho e prega a verdade em todo tempo, permanecem firmes e não vivem envolvidos com as coisas deste mundo e nem tampouco fazem o que Paulo disse no versículo 5 do texto de 1 TessalonicensesA verdade é que nunca usamos de linguagem de bajulação,

Pregar o evangelho visando agradar a homens é estar em conflito contra Deus!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Alex Salustino

Alex Salustino
Cristão resgatado pelo precioso sangue de Cristo! Bibliotecário, blogueiro, músico, fotografo amador, graduando em marketing, proprietário da Alex Artes Gráficas. Sou o responsável por administrar o Pregando o Evangelho. Deus te abençoe!