4 de março de 2012

Não bastam somente os milagres


Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas? E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade. Mateus 7.21-23

Parece muito fácil seguir a Cristo na atualidade. Quem não quer ficar curado de uma enfermidade que carrega consigo a tanto tempo? Quem não deseja uma porta de emprego, aberta lhe esperando? Quem não deseja condições financeiras para comprar um imóvel? Todos nós não é verdade? Mais o que dizer de pessoas que só estão indo a igreja para alcançar bençãos de Deus? E então devemos entender que o evangelho não é isso.

Buscar a Deus é muito mais do que receber uma cura. É muito mais do que alcançar objetivos, bem mais além que isso. Se perguntarmos a pessoas convictas de sua fé e que almejam servir ao Senhor de todo o coração, elas nos dirão que ainda que passem por dificuldades, estarão firmes e felizes, pois já foram resgatas do laço das trevas por meio do sangue de Cristo. Paulo tinha uma série de privilégios, mas a partir do momento em que foi retirado do contexto em que vivia, passou a afirmar que considerou tudo como perda. Filipenses 3.8

Muitas igrejas estão crescendo de forma colossal porque só estão estimulando os fiéis a irem "tomar posse da sua benção", "determinar" e submeter Deus a suas próprias vontades como se Ele fosse uma caixinha de desejos, um gênio da lâmpada ou qualquer outra coisa mística. Quantos e quantos doentes vão a igreja e acreditam ter sido curados? Quantos muitas vezes não sentem que os demônios foram expulsos de si? Pois é! O poder de Deus é tremendo, mas muitos estão se apropriando do nome de Jesus para adaptar o evangelho ao contexto de benefícios constantes nas vidas das pessoas. Chego a me perguntar: Onde está então o "no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo"? João 16.33

Ninguém deseja sofrer, ninguém deseja se angustiar pela causa de Cristo. Assisti a um vídeo do pastor David Wilkerson onde ele aborda acerca do chamado para a angústia. Nesse vídeo ele relata acerca de como anda o compromisso da igreja com Deus. Fala como está defasada essa busca, o anseio pelas coisas do Senhor. O infeliz evangelho light inventado pela igreja moderna, tem prejudicado vidas. As pessoas entram na igreja não porque querem conhecer a Jesus, sentir a sua presença e por Ele serem restauradas, mas porque ouviram que ali desce fogo e é muita benção e que há cura, milagre, revelações. Quantas e quantas não estão sem conhecer acerca do arrependimento que conduz a salvação, sem saber a realidade do céu, mas também a do inferno?

Fundamental é fazer a vontade do Senhor, viver em constante busca a Ele, perseverando no caminho que conduz a salvação, crendo que as demais coisas nos serão acrescentadas. O prazer não deve estar nas coisas materiais ou nas bençãos decorrentes da obediência ao Senhor, mas unicamente Nele, que é a razão do nosso viver!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Alex Salustino

Alex Salustino
Cristão resgatado pelo precioso sangue de Cristo! Bibliotecário, blogueiro, músico, fotografo amador, graduando em marketing, proprietário da Alex Artes Gráficas. Sou o responsável por administrar o Pregando o Evangelho. Deus te abençoe!