25 de abril de 2012

Senhor! A tua misericórdia!

Texto base: Salmo 107

Vemos ao longo do percurso das nossas vidas um Deus que guarda o seu povo. Ouvimos desde pequenos, nossos pais dizerem: Não faça isso, pois Deus castiga. Também ouvimos: Que Deus te abençoe, que tenha misericórdia.

No Salmo 107 observamos a ação misericordiosa de Deus para com o seu povo.

Rendei graças ao SENHOR, porque ele e bom, e a sua misericórdia dura para sempre. (v.1)

Alegrai-vos, sede felizes, depositando total confiança naquele que exerce piedade sobre o seu povo. A palavra do Senhor nos diz que as suas misericórdias são a causa de não sermos consumidos, porque elas não tem fim, renovam-se cada manhã. Todos os dias Deus tem nos livrado da ação do diabo, de todos os ataques sorrateiros e astutos do iníquo. Se a nossa visão não estiver obscurecida, veremos os feitos do Senhor!

Neste mesmo Salmo, vemos que o povo pecou contra Deus de várias formas. Andaram errantes pelo deserto, por ermos caminhos, sem achar cidade em que habitassem. (v.4) Famintos e sedentos, desfalecia neles a alma. (v.5)

Observemos que isso ocorre várias vezes durante todo o texto. Isso se trata de rebelar-se contra Deus, de tentar fazer tornar atrás o conselho do Senhor, o que certamente resultará em desgraça, a não ser que haja uma intervenção divina, mas ainda assim, as consequências se apresentarão em ocasião que não se espera.

Você já chegou a ser perguntar o quanto de vezes você peca contra o Senhor? Muitas vezes vamos por outro caminho, menos na vontade de Deus. As vezes nos consideramos inteligentíssimos na compreensão dos propósitos de Deus, mas na verdade estamos sendo tolos e medíocres no nosso vão entendimento. Ainda assim, a misericórdia de Deus vai muito mais além que as imperfeições humanas.

Então, na sua angústia, clamaram ao SENHOR, e ele os livrou das suas tribulações. (v.6)

A um coração quebrantado e contrito, Deus não despreza! Devemos nos achegar aos pés do Altíssimo clamando com um sincero arrependimento, anelando a sua misericórdia.

2 comentários:

  1. Irmão Alex,estive a ver algumas coisas em seu blog gostei do que li e vi. E desejo deixar um convite, tenho um blog com o nome de Peregrino e Servo. Meu nome é Antonio Batalha sou portugues. Se desejar fazer parte, eu ficaria radiante em que fizesse parte dos meus amigos virtuais, isto é, não quero que se sinta coagido a faze-lo mas apenas se desejar. Se achar que não merece a pena fico-lhe grato na mesma. Decerto irei retribuir seguindo o seu blog também. Um obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Irmão Antônio, estou seguindo o seu blog! Fique a vontade se desejar seguir o PREGANDO O EVANGELHO, me sentirei feliz se assim o fizer! Continue acessando, desde já, agradeço, que o Senhor continue lhe abençoando!

      Excluir

Alex Salustino

Alex Salustino
Cristão resgatado pelo precioso sangue de Cristo! Bibliotecário, blogueiro, músico, fotografo amador, graduando em marketing, proprietário da Alex Artes Gráficas. Sou o responsável por administrar o Pregando o Evangelho. Deus te abençoe!